Querino recebendo R$ 12 mil é mais um viés negativo na conta de Ricardo Ferraço

Posted on 11/11/2017

0



O senador Ricardo Ferraço (PSDB), pelo jeito, não tem se importado com o somatório de fatos negativos ligados à sua imagem. A lotação de Guerino Balestrassi, ex-prefeito de Colatina, no valor de R$ 12 mil – salário de um prefeito na média – está causando mal estar no norte do Espírito Santo.

Ricardo não pode reclamar por receber críticas últimas em decorrência de suas decisões políticas. Guerino pode ser considerado funcionário fantasma e cabo eleitoral com remuneração extravagante. Os colatinenses não comentam outra coisa, poisa a nomeação é legal, porém imoral porque Guerino não dá expediente no escritório de Vitória.

Para piorar, no portal de transparência do Senado consta que o senador capixaba de licença médica – fora de exercício – com informações zeradas das nomeações em comissão e de efetivos. Sem alarde, afastou-se e já está em ação o suplente.

Não tem ainda como mensurar o prejuízo político eleitoral do senador que pretende a reeleição. Alguns erros são crassos. A lotação de Guerino no seu Gabinete sem frequentá-lo, pode ser a gota d`água para eleitores mais esclarecidos.

80610ea0-a8c0-4e86-b274-9f40fbd55631 (1)

Remunerção de Balestrassi (clique para ver em imagem maior)

Anúncios
Posted in: ESPECIAL